Como validar elementos técnicos de SEO pelo Google Sheets

Confira dicas de como validar elementos técnicos de SEO usando as planilhas do Google Sheets.

Esse é o primeiro artigo de uma série que mostro como automatizo algumas tarefas de SEO com ferramentas gratuitas como o Google Sheets (ou se preferir, Google Planilhas).

Se você trabalha com SEO ou já se envolveu em um projeto, chegou um ponto em que era necessário validar se o programador havia aplicado os elementos técnicos como titles, meta descriptions e canonicals em determinadas páginas. Em um cenário que há poucas URLs, algumas extensões do navegador facilitam o trabalho ou até mesmo olhar o código-fonte (caso você tenha uma familiaridade com HTML) acaba sendo a melhor saída. Mas e quando você têm uma lista com várias páginas? A proposta deste artigo é justamente mostrar uma alternativa para cenários como esses.

Tenho ciência que é possível fazer isso com algumas ferramentas de SEO, mas o foco desta série é evitar o uso de ferramentas pagas e mostrar que é possível fazer SEO com poucos recursos e sem ficar dependente de uma ferramenta ou outra. Para facilitar, ao final do artigo deixei um template no Google Sheets para você pode usar como base ou estudo!

A fórmula IMPORTXML vai ter ajudar nessa jornada! Já ouviu falar da fórmula IMPORTXML no Google Sheets? Considero ela um canivete suíço para várias atividades de SEO, não só para validação, mas também como uma maneira de extrair informações dos sites, por isso, vou usar ela bastante nessa série.

Seguindo a definição na documentação do próprio Google, temos o seguinte:

Importa dados de qualquer um dos vários tipos de dados estruturados, incluindo XML, HTML, CSV, TSV e XML de feeds RSS e Atom.

Achou muito técnico? Uma definição mais simples e menos técnica, seria algo como:

Insira uma URL e diga que tipo de informação você quer capturar que eu retorno ela para você.

Em que você pode consultar não só uma página “comum” nesse mundão da Internet, mas também um XML (olha o Sitemap XML aí) e também um CSV (algumas ferramentas possuem API que retorna dados nesse formato). E para ser mais assertivo no tipo de informação que você precisa, é só utilizar uma linguagem de consulta chamada XPath. Ao escrever a fórmula, você teria a seguinte estrutura:

=IMPORTXML(url; consulta_xpath)

De maneira resumida, o XPath é uma expressão que diz o caminho do elemento que você quer extrair dentro de uma página (URL). Ela que vai ser o X da questão quando você for aplicar ela para validar ou extrair informações de SEO.

Como extrair as informações de SEO das páginas? Após essa introdução, vamos começar com alguns exemplos práticos de como validar como estão alguns elementos de SEO das nossas páginas.

Titles ou Títulos de SEO

=IMPORTXML("https://ecto.digital/";"//title")

Esse seria um dos exemplos mais simples. O elemento //title informa a função IMPORTXML que ela quer o conteúdo do //title do HTML daquela página.

Meta descriptions ou descrições de SEO

=IMPORTXML("https://ecto.digital/";"//meta[@name='description']/@content")

Um detalhe importante desse exemplo é a utilização de aspas simples dentro das aspas duplas, ou seja, se você digitasse //meta[@name="description"]/@content daria erro na fórmula, pois a primeira aspa dupla iria fechar o segundo elemento da fórmula e passaria o XPath errado (além de criar um elemento adicional que não é permitido para essa função).

Canonicals

=IMPORTXML("https://ecto.digital/";"//link[@rel='canonical']/@href")

O bom dessa fórmula é que ela retorna todos os elementos que correspondem aquele XPath que você informou. Isso ajuda para ver casos em que há duplicidade dessas tags nos códigos-fontes das páginas analisadas.

Se tiver algum outro elemento que você precise, você pode facilmente encontrar exemplos ao pesquisar pelo Google ou em qualquer outro buscador da sua preferência. É só pesquisar nome do elemento + XPath e adaptar para o seu caso (lembre-se de utilizar as aspas simples)!

Planilha de Modelo

Planilha com exemplos para validação de SEO

Para facilitar a sua vida, preparei uma planilha de exemplo que está disponível em:

Planilha no Google Sheets com exemplos práticos de como aplicar a fórmula IMPORTXML voltada para SEO. Para usar ela é só fazer uma cópia, inserir as URLs que você quer validar e esperar a página acontecer!

Compartilha um pouco da sua experiência comigo! Já usou essa fórmula antes? Quais os outros casos que você aplicou ela no seu dia-a-dia? E se tiver alguma dúvida, não deixe de perguntar!

Categoria(s):
Newsletter
Ruan Barbosa logo

Ruan Barbosa

Fundador e Especialista de SEO na Ecto

Formado em Física e Mestre em Educação pela UFPR, possuí experiência com SEO desde 2010. Nesse período trabalhou com contas de pequeno, médio e grande porte, dentre elas: Avon, B2W (Americanas, Shoptime e Submarino), Nerdstore, 3M, TIM, Tecnisa e Saraiva.

Veja também

comments powered by Disqus

Solicitar Orçamento

Converse com um Especialista em SEO e entenda quais são as oportunidades de crescimento orgânico para o seu site.