O que é Google Tag Manager (GTM) e por que você deve começar a usá-lo agora mesmo?

Aprenda tudo o que você precisa sobre o Google Tag Manager e comece a usar agora mesmo para gerenciar suas tags.

Quem trabalha com Marketing Digital, SEO e afins, está sempre fazendo testes em páginas para mensurar resultados, testando novas ferramentas para melhorar o desempenho de sites, entre muitas outras coisas.

Contudo, esses testes e ferramentas nem sempre são fáceis de trabalhar e muitas vezes, demandam a ajuda de profissionais de desenvolvimento. Para ajudar com isso, o Google, como sempre, lançou uma ferramenta gratuita para facilitar esses processos. Com ela, basta inserir um código no site para ter acesso a diversos serviços.

Essa ferramenta se chama Google Tag Manager e, é sobre ela que falaremos no artigo de hoje. Vamos entender melhor o que ela é, qual a sua importância, como instalar e muito mais. Continue a leitura para descobrir.

O que é Google Tag Manager (GTM)?

O Google Tag Manager, também conhecido como GTM, é uma ferramenta gratuita do Google, que permite que, ao inserir um código específico em um site, você possa instalar vários serviços sem precisar mexer neste código.

Com ele, você consegue centralizar a gestão de tags de medição como o Google Analytics, Pixel do Facebook, Remarketing do Google Ads e outras tags que melhoram a mensuração de dados, além de darem ao setor de marketing mais agilidade na implementação e coleta de informações para suas estratégias.

Além disso, o GTM é uma ótima solução para quem usa um número grande de tags no site, pois você tem a possibilidade de concentrar as informações em um único lugar.

Qual a sua Importância?

O Google Tag Manager é muito importante para uma empresa em diversos aspectos, pois através dele, você pode adicionar e atualizar suas próprias tags sem depender da TI ou de deploys, para acompanhar suas conversões, site analytics, remarketing e muito mais.

Isso porque ele é compatível com vários os tipos de tags, além de conter modelos prontos e fáceis de usar e possibilitar o uso de tags de terceiros, direcionadas a apps para dispositivos móveis e da Web. Você também pode adicionar um modelo que não esteja na lista, como uma tag personalizada.

Se você quer saber mais, conheça aqui todos os benefícios e recursos disponíveis no Google Tag Manager. Você também pode contatar a equipe especializada para entender melhor como essa ferramenta pode te ajudar com o seu negócio.

Como instalar

Para instalar, você precisa primeiro acessar a página do Google Tag Manager e fazer login com sua conta do Google (caso você não tenha uma, vai precisar criar). Você também pode usar a mesma que usa para acessar o Google Analytics (recomendamos que faça isso, pois pode facilitar algumas integrações entre algumas ferramentas).

Logo no início, irá aparecer uma tela pedindo para você criar uma conta no GTM (Google Tag Manager). Você deve clicar em “criar conta”, no canto superior direito e preencher as informações de nome da conta e país.

Em seguida, será preciso fazer a Configuração do contêiner, que é o local onde serão configurados e hospedados todos os outros códigos que fazem parte do seu Tag Manager. Para isso, você precisa adicionar o nome/site da sua empresa e selecionar a plataforma “Web” (caso seja um site), que é onde ele será usado e então clique em “criar”.

Depois de aceitar os termos, você já terá acesso ao código que deve ser instalado em todas as páginas que você quiser. Com ele em mãos, você já pode fazer a instalação (por conta própria ou por um especialista). Esse processo de inserir o código no HTML só precisa ser feito uma única vez. Ou seja, você vai precisar de um suporte técnico na primeira vez, depois você pode publicar as tags pela interface da ferramenta.

O código é dividido em duas partes. Uma vai dentro da tag do código-fonte do seu site. A outra tag, vai logo depois da abertura do no HTML. Após feita a instalação, será preciso adicionar tags ao contêiner (na interface do GTM) para que ele seja publicado (esse ponto é bem importante, você deve publicar o seu contêiner), e passe a carregar no site as tags que você adicionou. É importante lembrar que, a cada atualização de tags do contêiner, é preciso publicá-lo novamente para que ele seja implementado corretamente.

Para adicionar essas tags ao contêiner, você deve clicar no quadro verde à direita “Adicione Tags e publique para ativar suas alterações” ou, no menu à esquerda no item “Tags”. O próprio Google Tag Manager já sugere algumas tags, contudo, você pode adicionar outras se precisar clicando em “Tag HTML personalizada”.

Se ainda tem dúvidas, você pode acessar o Guia de início rápido ou o Guia do Desenvolvedor, com as informações detalhadas de como implementar o GTM no seu site. Se preferir, pode assistir ao vídeo “Introduction to Google Tag Manager” (em inglês):

GTM no WordPress

Para facilitar a sua vida, existe um plugin que se chama “Google Tag Manager for WordPress”, que você pode instalar no seu site WordPress para gerenciar suas tags, sem precisar incluir o código HTML no tema do site.

Este plugin contém o código JavaScript, que inclui essas tags no seu site e a instalação consiste em apenas duas etapas: instalar o plugin e inserir o ID do contêiner nas preferências.

Com ele, ao invés de ficar copiando e colando inúmeras tags de script nos seus arquivos de tema do WordPress, ou gerenciar diversos plugins para diferentes serviços, você pode fazer tudo isso através do GTM. Ele permite gerenciar todas as suas tags na própria interface do usuário do Google, sem precisar fazer qualquer alteração na instalação do Wordpress.

Para saber mais e um passo a passo, assista ao vídeo: “Google Tag Manager WordPress: Instalando em 5 Minutos (2019)”:


O Google Tag Manager é mais uma ferramenta criada para facilitar a nossa vida. Com ele, é possível alterar os códigos de scripts de sites ou apps e, gerenciar todos eles em um só lugar: através da plataforma do GTM.

Tudo o que você precisa fazer, é entender como a ferramenta funciona e inserir dois pequenos códigos do tag manager no seu site. Esperamos que com esse texto você consiga fazer esse procedimento. Contudo, se você achá-lo muito complexo ou travar em alguma etapa, deixe seu comentário abaixo!

Categorias:
Newsletter
Carol Picolo logo

Carol Picolo

Redatora e Revisora de Conteúdo na Ecto

Possui experiência em produção de conteúdo em diferentes segmentos. Já produziu conteúdo otimizado em SEO para grandes portais, assim como revisões de textos e traduções. Gosta de escrever sobre diversos assuntos, entre eles beleza, bem-estar e tecnologia.

Veja também

comments powered by Disqus

Solicitar Orçamento

Converse com um Especialista em SEO e entenda quais são as oportunidades de crescimento orgânico para o seu site.